Sleep Hollow – A cidade do Cavaleiro sem cabeça

Hello!!

A postagem de hoje vai ser um pouquinho diferente… É sobre um passeio que considero muito legal na cidade de Tarrytown mas que acabei não fazendo! Por isso, pedi ajuda para o Alexandre (o Alex), um dos meus amigos do intercâmbio, que fez esse passeio e hoje vai escrever um pouquinho mais sobre o assunto!

E ae gente!! Estou passando aqui pelo blog da Nathy para contar um capítulo muito legal de meu intercâmbio pela maravilhosa Tarrytown.

Vamos lá,

7 de Agosto de 2015, penúltimo dia de meu intercâmbio, resolvi ir para assustador castelo de Sleep Hollow e, claro, não fui sozinho. Simone (a Si) foi junto comigo. Por volta das 13 horas (horário de New York) pedimos um táxi para ir até o castelo que se localiza no lado oeste da cidade, se precisar de um mapa ou de informações a biblioteca de Tarrytown é um ótimo local para se obtê-las (lado leste da cidade).

O táxi ficou US$8 dólares. Chegando no local o taxista pergunta se você prefere descer no portão ou que ele te deixe na frente do castelo. Existe essa opção porque o castelo está em uma área de 70 hectares e ele se localiza no centro dela. Decidimos descer no portão e ir vendo o local que é simplesmente lindo, as árvores, a grama, até a marmota (o animal) que encontramos no caminho.

Chegando no castelo, achávamos que poderíamos entrar e conhecer o castelo, mas não! A 100 metros do castelo existe uma área de conveniência, com bugigangas referentes ao local e foi lá onde compramos tickets para fazer um tour pelo castelo. O preço é de U$20 dólares, mas como estávamos estudando na EF pagamos U$10 dólares. O tour acontece de 40 em 40 minutos. O custo-benefício não vale a pena, o tour é valido se estiver realmente interessado em conhecer por dentro do castelo, que é absolutamente esplêndido, tudo conservado e não se vê nada fora do lugar, muito legal!

Nesse tour eles contam a historia do morador desse castelo, que foi o primeiro prefeito de New York e da famosa lenda do cavaleiro sem cabeça “Sleep Hollow”. O foco desse passeio foi ver se realmente havia cabeças no banheiro do castelo e ficamos sabendo que a decoração sanguinária só acontece no Halloween, então, se estiver passando por Tarrytown  na época das bruxas, você tem a obrigação de passar por Sleep Hollow e ver cabeças rolando!

Acabando o tour ficamos livres para fazer o que quiséssemos. O lugar é imenso, então fomos conhecer mais desses 70 hectares. Há uma estufa com plantas, um jardim de rosas, uma capela, uma fonte dos desejos e uma vista linda do castelo para a ponte Tappan Zee que está sob rio Hudson. O local é maravilhoso, há a possibilidade de levar seu cão para passear, fazer picnic no gramado, cinema ao ar livre… Ocorrem até casamentos lá!

O lugar é extremamente relaxante, poucas pessoas vão e então só o barulho dos pássaros é ouvido. A única crítica que tenho é que como não tínhamos carro tivemos que ir embora de táxi e para conseguir um foi meio difícil (se estiver de carro, lá tem estacionamento gratuito). De resto, vale a pena passar uma tarde, não haverá arrependimento!

Obrigado Nathy!! Aí está uma breve resenha do penúltimo dia das melhores seis semanas da minha vida! GRATO por essa participação no Blog.

Muito obrigada pelo post, Alex!! Para ler o outro post que o Alex escreveu, clique aqui!

Espero que tenha gostado da postagem! Posts novos toda segunda-feira!

See you!!

 

Talvez você goste também de:

Anúncios

12 pensamentos sobre “Sleep Hollow – A cidade do Cavaleiro sem cabeça

  1. […] Sleep Hollow – A cidade do Cavaleiro sem cabeça […]

    Curtir

  2. […] Sleep Hollow – A cidade do Cavaleiro sem cabeça […]

    Curtir

  3. […] com o Alex (um amigo já conhecido aqui no blog que, inclusive, já escreveu um post – clique aqui para ler!). Assim, ele irá aparecer em algumas das fotos […]

    Curtir

  4. […] Sleep Hollow – A cidade do Cavaleiro sem cabeça […]

    Curtir

  5. […] deixar esse tópico de fora do blog convidei o Alex, que já escreveu sobre Sleep Hollow (clique aqui para ler), para escrever sobre esse passeio (clique aqui para ler – Postagem ainda não […]

    Curtir

  6. […] fui lá novamente, dessa vez com o Alex (que já escreveu algumas postagens aqui no blog, clique aqui para ler!). Entramos na loja, pegamos uma senha e ficamos em um determinado lugar para esperar. […]

    Curtir

  7. […] nesse passeio foi meu grande amigo Alex, que já escreveu aqui para o blog também (clique aqui para […]

    Curtir

  8. […] Sleep Hollow – A cidade do Cavaleiro sem cabeça […]

    Curtir

  9. […] Para fechar esse ciclo com chave de ouro chamei mais uma vez para escrever aqui no blog uma das pessoas mais marcantes do meu intercâmbio: o Alex, que já apareceu em diversos relatos do blog ! (Para ler a outra postagem que ele escreveu, clique aqui!) […]

    Curtir

  10. […] Sleep Hollow – A cidade do Cavaleiro sem cabeça […]

    Curtir

  11. […] Por isso, chamei o Alex, um dos meus amigões dessa viagem, para escrever sobre o passeio; clique aqui para […]

    Curtir

  12. […] Sleep Hollow – A cidade do Cavaleiro sem cabeça […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s